Avançar para o conteúdo principal

Sai ao Pai

Quando via o treino do meu rebento, uma mãe de um miúdo novo que estava sentada a meu lado pergunta-me:
- O seu filho é o J., não é?
Devo ter olhado para ela com um ar um bocado assustado, pois quando me fazem esta pergunta assim de chofre fico sempre com a sensação que me vão dizer que ele fez uma asneira qualquer.
- Sim, é. - respondo a medo.
- Ele é um menino tão educado... Quando chega aqui vai ter com os outros e cumprimenta-os a todos. Diz "boa tarde" a toda a gente, até a nós.
Fiquei sem saber o que dizer. Saiu-me:
- Sim, ele gosta muito de cumprimentar as pessoas.
E pensei "sai ao pai!".

Comentários

Mensagens populares deste blogue