Avançar para o conteúdo principal

Mão Desajeitada Para Pentear Cabelos

Olha em frente e sorri. Com os dedos juntos em forma de espátula afasta-me o cabelo dos olhos para me beijar a face. O gesto e a mão desajeitada de quem nunca precisou separar os dedos para pentear grandes cabelos enternecem-me. Fico derretida neste movimento só dele que ninguém nunca conseguirá reproduzir. Gesto que só existe naquela mãozinha pequena e desajeitada para pentear cabelos. 
A madeixa volta a descair-me para os olhos. E ele insiste. E recebo festas extra que me aninham na mão do meu filho. Enrosco-me na mão e o meu peito enrosca-o a ele cá dentro. E ele beija-me a face. Um beijinho pequenino diz-me em silêncio "gosto de ti, mãe". E o meu coração liquefeito pelo amor não consegue evitar pingar-lhe melodias de embalar.

Comentários

  1. Que ternura. O teu filhote é mesmo um doce. Que estejam sempre assim, os dois, um para o outro.

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...

Mensagens populares deste blogue