Avançar para o conteúdo principal

Três Tristes Totós

Estação. Plataforma da linha do comboio. 
Três Tristes Totós armados em homens. Um, com ar de mau, carrega consecutivamente no botão de chamada do elevador, as porta abrem-se logo após se fecharem, vezes sem conta. Os outros dois riem-se. "Ya, o nosso amigo é bué de rebelde, vejam só como ele abre tão bem as portas do elevador! Yé, meu, bué de nice!"
Passa uma rapariga em calções curtinhos. Os Três Tristes Totós olham-na com um ar ainda mais totó do que o inicial, quase salpicando a baba, que lhes molha os cantos da boca, nas pernas dela.
Passam mais duas raparigas, desta vez ambas com o cabelo cor-de-rosa. Os Três Tristes Totós olham-nas e riem-se bem alto.
O totó, encarregado da porta do elevador, carrega mais uma vez no botão. "Ui, que sou assim, tipo... tão mau!".
Todos os Três Tristes Totós são jovens, mas com idade para já terem alguma coisa dentro da cabeça. Não têm, apesar de já lhes terem nascido alguns pentelhos na cara, a que chamam barba. 
Passa mais uma miúda. Os Três Tristes Totós olham-na de alto a baixo. O ar de totós acentua-se fortemente. Parecem divertidíssimos. Mexem-se muito, demonstrando alguma vitalidade. Mas o vento, esse malandro, atravessa-lhes o cérebro a uma velocidade vertiginosa. Não dão por isso, não sabem sequer que o vento existe e, muito menos, que sofrem de uma corrente de ar intelectual.

Chega o comboio. Abençoado seja, que me salva de ficar tão triste quanto eles!

Mensagens populares deste blogue

Macacos do Nariz

O J. voltou a perguntar qual era o verdadeiro nome dos macacos do nariz e, uma vez mais, não lhe soubemos responder.
O pai tentou: -Detritos nasais!
Eu tentei: -Fluídos nasais secos!
As nossas tentativas não satisfizeram nenhum de nós três ...  O J. diz: -Temos que perguntar à Drª, como ela é médica deve saber ...
Fiquei a pensar onde poderia encontrar a resposta a esta questão sem ter que perguntar à médica ... 
Consultei a enciclopédia, o dicionário, procurei na net e ... nada, nem a mais pequena referência à designação científica para macacos do nariz ...

Confesso que nunca me tinha passado pela cabeça que os macacos do nariz tinham outro nome ...

As coisas em que este miúdo me põe a pensar ...

Este blogue vai descansar uns diazinhos, mas volta, com a maior brevidade possível!


Anita no Facebook

O Facebook anda a fazer-me mal. O chato é que preciso daquilo como ferramenta de trabalho e acaba por ser difícil desligar de vez ou até fazer um intervalinho com fins terapêuticos.
Ultimamente, ando tão farta de por ali andar que já tudo me parece os livros da Anita.
Antes do Verão: Anita corre quilómetros para caber no biquíni
Em férias:  Anita mete o pezinho na areia e o nariz no mar
Em dias de sol: Anita vai à esplanada com as amigas e diverte-se a potes
No fim das férias:  Anita volta para o trabalho chateadíssima, mas, pronto, a vida é assim e tem que trabalhar
À hora das refeições:  Anita cozinha um delicioso jantar cheio de super-alimentos e de baixas calorias ou  Anita vai almoçar a um sítio todo fashion, come imenso marisco e bebe sangria de champagne
Tarde de sábado:  Anita vai a uma exposição qualquer interessantíssima ou Anita sai à rua e vê as pessoas a passar
Sábado à noite:  Anita dança e bebe gin 
Tarde de domingo:  Anita vê um filme com a família ou Anita tem umas flores lindas…