Avançar para o conteúdo principal

Ando a Ver Isto:

Imagem da Net
O pai do J. pegou-me o "bichinho" do Hank Moddy e agora estou viciada neste viciado. 
Perante este quadro patológico, só mesmo este remédio:

 Eh eh eh eh!!!

Comentários

  1. Olá mammy,

    Música gira:)excelente remédio....

    Afinal não estás a ficar muito velha:))))


    Beijinhos
    (se me permitires vou ser teu seguidor)

    ResponderEliminar
  2. Olá!
    Pronto, estou só a ficar um bocadinho velha!
    ;)
    Claro que permito! Benvindo!
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Tem ar de viciante, nem quero começar a ver. Até a música é boa.

    ResponderEliminar
  4. S*,
    Acredita que é... Terrível! ;)
    Bjs

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...

Mensagens populares deste blogue

Estamos a matar a infância das nossas crianças!

Se há cerca de vinte, trinta anos, não se sabia tanto quanto se sabe hoje sobre pedagogia, psicologia ou educação, actualmente este conhecimento é muito mais vasto. Tão vasto que tendemos a instrumentalizar a forma como educamos as nossas crianças.

Olhamos para os nosso filhos e vemo-los como projectos pessoais. Queremos que sejam os melhores e sempre melhores que eles próprios, que estejam sempre a evoluir para que sejam bem sucedidos na vida. É normal, porque independentemente das nossas crenças, queremos o melhor para eles, porque os amamos. Mas esta forma de amar e de os tentar conduzir para o sucesso está a matar-lhes a infância. 
Não são poucas as vezes que ouvimos coisas do género:  "Quero que o Rui seja um óptimo engenheiro";  "Estou a fazer tudo para que a Ana seja a melhor professora que já leccionou";  "O que mais quero é que o André vença no mundo do trabalho como o melhor designer gráfico".
Também dizemos que A ou B tem que frequentar determi…