segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Quero morar aí dentro

Quero ser o sangue que te percorre de lés a lés. Por dentro.
Invadir-te os órgãos e dar-lhes vida.
Quero sarar-te as feridas e oxigenar-te por inteiro.
Entrar nesse coração a cada segundo e viajar pelos cantos mais recônditos desse teu ser.
Quero morar aí dentro. Para sempre.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...