quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Ouvir Quem Sabe

O meu filho é um desportista nato. Dá o litro, tem uma garra invejável e uma resistência inabalável. 

Falávamos das minhas corridas. 
- O meu problema é a respiração. Fui tantos anos fumadora que me custa aguentar a respiração acelerada na corrida, falta-me o ar ainda antes de me doer as pernas - desabafei.
- Mãe, não desistas. Mesmo que pareça que vais morrer, não desistas! Continua sempre. - aconselhou-me.

A verdade é que sempre que estou p'ra morrer a meio de uma corrida, é este conselho que ecoa na minha cabeça. Já lá vão cinco semanas de quatro treinos semanais, o objectivo aproxima-se e ainda não desisti.

Obrigada, filho!

DAQUI

Sem comentários:

Enviar um comentário

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...