sexta-feira, 19 de abril de 2013

A Sombra do Papel Pardo

Livros forrados de papel pardo inundam os transportes públicos nas mãos de donas-de-casa e profissionais de duvidosa satisfação emocional, escondendo cinquenta sombras de um príncipe (supostamente) encantado destes tempos (ditos) modernos. Mas não escondem só sombras. Escondem a atracção destas mulheres por aquele que encanta uma gata borralheira amestrada à laia de jogos eróticos e perversidades várias e que enche as suas vidas, que de tão descontentes que parecem, precisam de sonhos impressos em romances de cordel, mascarados de literatura, e escondidos sob forras de papel pardo.
Avé Grey!

3 comentários:

  1. Acreditas que até a curiosidade de ler esse livro perdi, por causa do histerismo de algumas das minhas colegas?!
    Beijocas

    ResponderEliminar
  2. Naná,
    ;)

    Benedita,
    Eu nunca li! Só mesmo o resumo da contracapa!
    Bjs

    ResponderEliminar

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...