sábado, 29 de dezembro de 2012

Apetecia-me Escrever...

Sim, apetecia-me escrever qualquer coisa aqui, mas não consigo. Ando bloqueada, vazia talvez. Por mais que esprema, não sai nada, apesar do turbilhão de emoções em que tenho vivido. Choro por tudo e por nada. Especialmente, por nada. O nada invadiu-me, e ocupou o espaço que estava reservado à minha vontade de criar... de criar qualquer coisa, nada de especial, nenhuma obra de arte, mas aquela vontade de criar por criar, que vem associada às inquietações, às indignações e às sensações boas também. Sabem de qual estou a falar? Sabem, claro que sabem. 
E o vazio... O vazio que se instala a partir do nada é aterrador! Quero sair de mim e ir ali encher-me de qualquer coisa... mas o espaço está todo ocupado... de nada. E não consigo...

Melhores dias virão. Assim espero... 

Imagem DAQUI

7 comentários:

  1. melhores dias virão, claro que virão.
    nem sempre a inspiração para criar está viva... mas está lá. ela apenas necessita, por momentos, de sair do meio do "turbilhão de sensações". é esse "turbilhão" que nos confunde e nos deixa no "nada", "vazios", apesar do muito que nos rodeia.
    tal como um chá que depois de ferver o deixamos assentar para o saborear, também esse "turbilhão" precisa de assentar para limpar em ti esse "vazio instalado a partir do nada". enches-te com o despertar da inspiração... para escreveres, para criares o que te apetece. contudo, se pensares bem e olhares o teu post, "apetecia-me escrever", e escreveste. afinal, conseguiste...!!

    bj...nho

    ResponderEliminar
  2. :( isso tem de melhorar mesmo.
    Eu também ando com uma sensação de vazio...
    "as melhoras"

    ResponderEliminar
  3. Menina do Mar,
    Adoro o nome que escolheste para o teu perfil "Menina do Mar"! Lindo!
    Obrigada! Assim espero...
    Um bom Ano Novo para ti também!
    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Sérgio Figueiredo,

    Pois é, escrevi e senti-me melhor!

    Mas este vazio está instalado porque não gosto da minha vida profissional. Preciso de fazer alguma coisa que me estimule, preciso de me sentir criativa, útil, competente e, neste momento sinto-me tudo menos isso. Passo oito horas por dia a fazer um trabalho que não tem nada a ver comigo e isso desgasta-me e torna-me num autómato triste. Cumpro o que me é pedido, mas sem a paixão por aquilo que faço, o que me esvazia-me de mim, passo a ser menos eu...

    Obrigada pelas tuas palavras, são sempre tão certeiras e reconfortantes.

    Bjs e Bom Ano!

    ResponderEliminar
  5. D.
    Pois tem... Hoje, já está um pouco melhor.
    Isso também tem que melhorar contigo, se também te sentes assim. <3
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Um estado de alma pontual! Isso passa, é cíclico, deve andar muito cansada, talvez ande a dormir pouco, tente perceber porque se sente assim.
    Talvez neste momento até esteja mais "arrebitada"!
    Abracinho meu!

    ResponderEliminar

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...