terça-feira, 29 de novembro de 2011

Está Tudo Doido?

Hoje, li esta notícia e fiquei de boca aberta!
Ok, podem chamar-me ingénua, mas uma notícia destas (comprovando-se que foi o que realmente aconteceu) é muito difícil de digerir. 
Como é possível um pai ter uma ideia tão brilhante(?) como a de pôr um filho de castigo dentro da máquina de lavar roupa? Que raio de iluminação divina o faz, depois, ligar a máquina no modo de secagem????
O homem só podia estar sob efeitos de LSD ou coisa parecida... Só estando a alucinar é que se pode confundir um filho com uma peça de roupa...
E a irmã ainda diz que não foi a primeira vez que o pai fez uma atrocidade destas?!

Começo, seriamente, a achar que está tudo a ficar louco... Ou então, sou eu que não estou boa da cabeça...

9 comentários:

  1. Pais loucos e doentes sempre houveram e haverao infelizmente... nem sempre os laços de sangue funcionam

    ResponderEliminar
  2. Mesmo que não fossem filhos... Como se faz isto a uma criança? Ou a um adulto?
    Deve ser um caso de doença mental, só pode!
    ;(

    ResponderEliminar
  3. Ontem vi esta noticia no telejornal e confesso que até fiquei mal disposta. Para além de ter lá posto o menino, despi-o e ligou o programa na secagem. Como, como é possivel haver gente assim? uma criança de 3 anos, tão inocente... como é possivel castigar-se um bebé só porque rasgou um desenho na escola. 3 anos. Acho que costumava fechá-lo no armário mas desta vez teve uma ideia mais brilhante. E agora? é dado como maluco? e a mãe? dizem que tinha medo do marido que era violento. Ah pois que eu para não levar um estalo permitia que fizessem isto ao meu filho. Oh raios, está mesmo tudo doido.

    ResponderEliminar
  4. Se eu fosse a mãe, era capaz de dar um enxerto de porrada num homem destes, nem que acabasse por ser ele a acabar comigo!
    Eu sou muito calminha, detesto confrontos, mas quando se metem com o meu filho, viro fera, acreditem!
    Bjs

    ResponderEliminar
  5. Não está tudo a ficar louco, HÁ, infelizmente, muita gente louca, pais e mães.

    ResponderEliminar
  6. A minha mãe pos-me de castigo no aviario dos frangos.

    ResponderEliminar
  7. Eu fiquei o dia todo macambúzia a imaginar aquele menino tão lindo, com a aflição que deve ter sentido, o desespero, o medo... não há justificação nenhuma para esta atrocidade e nem há palavras que qualifiquem a maldade com que foi praticado.
    Só pensei foi: foi melhor ter sido assim... não foi uma vida de sofrimento com um pai desequilibrado! Mas a imagem do menino dentro da cuba não me abandonou...

    ResponderEliminar
  8. Naná,
    A imagem do menino dentro da cuba é terrível só de imaginar, nem consigo conceber como terá sido vê-la...
    Gente doente!!!!
    Bjs

    ResponderEliminar

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...