domingo, 11 de setembro de 2011

Liberdade com Segurança

Copenhaga

Desde que vim da Dinamarca que não paro de pensar na sorte que os dinamarqueses têm por possuírem um elevado nível de segurança. O facto das crianças poderem brincar livremente na rua e de ser seguro irem de bicicleta sozinhas para a escola deixam-me cheia de inveja! 

Já pensaram como educaríamos os nossos filhos se não tivéssemos que estar sempre preocupados com a sua segurança? Quais das nossas atitudes seriam diferentes e como é que essas diferenças modificariam as suas personalidades? Podíamos dar-lhes mais liberdade e consequentemente mais autonomia. Será que essa autonomia iria torná-los mais confiantes, mais crescidos, com maior auto-estima?
E será que a liberdade torná-los-ia mais felizes?

Um factor tão simples como o sentimento de segurança pode ser tão importante na formação da personalidade de uma criança. Tal como a segurança, muitos outros factores são decisivos neste processo! 

Por isso, cada vez mais, sinto que educar alguém é das maiores responsabilidades que temos em mãos nesta vida ... 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Vá lá, digam qualquer coisinha...
...por mais tramada que seja...